Município de Cuba

  • Aumentar o tamanho da fonte
  • Tamanho padrão da fonte
  • Diminuir tamanho da fonte
Início Proteção Civil
Noticias

AVISO À POPULAÇÃO - TEMPO QUENTE

Enviar por E-mail Versão para impressão PDF

O Gabinete Municipal de Proteção Civil da Câmara Municipal de Cuba divulga o presente aviso à população:

No seguimento do contacto com o Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA), realizado hoje no Comando Nacional de Operações de Socorro (CNOS) da Autoridade Nacional de Proteção Civil (ANPC), e de acordo com a informação meteorológica disponibilizada prevê se, para amanhã, 17 de Junho , no período compreendido entre as 12:00 e as 18:00 de dia 18 de Junho, próxima Segunda-Feira, um agravamento das condições meteorológicas, salientando-se a persistência de valores elevados de temperatura máxima.

EFEITOS EXPECTÁVEIS
Face à situação acima descrita, poderão ocorrer os seguintes efeitos:
- Tempo quente e seco derivado dos valores da temperatura máxima elevados;

MEDIDAS PREVENTIVAS
A ANPC recorda que o eventual impacto destes efeitos pode ser minimizado, sobretudo através da adoção de comportamentos adequados, pelo que, e em particular nas zonas historicamente mais vulneráveis, se recomenda a observação e divulgação das principais medidas de autoproteção para estas situações, nomeadamente:
- Beba água com regularidade ou sumos de fruta natural sem adição de açúcar;
- Evite a exposição ao sol nas horas de maior calor (aproximadamente entre as 11h00 e as 17h00);
- Evite bebidas alcoólicas e com elevados teores de açúcar;
- Utilizar roupa solta e clara, óculos de sol e chapéu de abas largas - Evite fazer atividades que exijam muito esforço físico, particularmente nos períodos de maior calor;
- Se viajar de carro, escolha horas de menor calor. Não permita que pessoas (especialmente crianças e idosos) e/ou animais fiquem dentro da viatura ao sol;
- Esteja atento a pessoas mais vulneráveis, especialmente crianças e idosos;
- As pessoas que sofram de doença crónica, ou que estejam a fazer uma dieta com pouco sal, ou com restrições de líquidos, devem aconselhar-se junto do seu médico;
- Os recém-nascidos, as crianças, as pessoas idosas e as pessoas doentes, podem não sentir, ou não manifestar sede, pelo que estão particularmente vulneráveis - ofereça-lhes água e esteja atento.
- Se necessário ligue Saúde 24 - 808 24 24 24;
- Estar atento às informações da meteorologia e às indicações da Proteção Civil e Forças de Segurança.

 

Autoridade Nacional de Proteção Civil adverte para situações de tentativa de burla com coimas de limpeza dos terrenos florestais

Enviar por E-mail Versão para impressão PDF

ANPCLOGOA Autoridade Nacional de Proteção Civil adverte os cidadãos para a eventualidade de poderem ser abordados por estranhos que, agindo de má-fé e fazendo-se passar por elementos da proteção civil, visem burlar os desprevenidos, fazendo-os crer na existência de coimas em seu nome devidas pelo incumprimento das obrigações legais de limpeza dos terrenos florestais de que são proprietários.

A ANPC teve conhecimento de uma situação ocorrida no distrito de Viana do Castelo, em que o burlão em causa demandou um cidadão para que este fizesse o pagamento do valor de uma coima, para um determinado NIB, até ao final desse mesmo dia, sob pena daquele duplicar.

Face ao sucedido, a ANPC informa os cidadãos que os serviços de proteção civil não procedem à cobrança de coimas por incumprimento das obrigações legais de limpeza dos terrenos florestais, recomendando-se que qualquer tentativa feita nesse sentido seja imediatamente participada às autoridades policiais.

 

Risco e Prevenção na Televisão Pública [apoio à divulgação]

Enviar por E-mail Versão para impressão PDF

RISCO E PREVENCAO IMAGEMA RTP3 começou a emitir esta segunda-feira, 14 de maio, uma série de programas dedicados à segurança e prevenção. Em blocos de três minutos instituições como bombeiros, autoridades e forças de segurança, abordam situações de risco e sugerem conselhos para evitar os perigos do quotidiano.

O programa Risco e Prevenção tem por objetivo alertar a população para os fatores de risco ilustrando situações de perigo e promovendo a segurança e a proteção com imagens e conselhos úteis. São focadas normas e procedimentos do universo da proteção civil, como acidentes domésticos, incêndios, cheias e sismos.

As emissões pretendem dar conhecimentos e competências para a formação de uma cidadania ativa e responsável perante as questões de segurança.

O programa, com coordenação editorial do jornalista Carlos Raleiras, é emitido na RTP3 ao longo da semana em diversos horários estreando sempre à segunda-feira, às 10h50.
Esta semana o protagonista é o Instituto de Socorros a Náufragos que alerta para os acidentes nas praias portuguesas que vão muito para além dos afogamentos. Depois será o Centro de Informação Antivenenos do INEM a abordar as intoxicações com detergentes.

Pode também ver as emissões aqui: www.rtp.pt/play/p4664/risco-e-prevencao

 

AVISO À POPULAÇÃO - PRECIPITAÇÃO - GRANIZO E TROVOADA - Entre as 12:00 e as 20:00 de 20 de maio de 2018

Enviar por E-mail Versão para impressão PDF

LOGO GMPCO Gabinete Municipal de Proteção Civil da Câmara Municipal de Cuba divulga o presente aviso à população:
No seguimento do contacto com o Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA), realizado hoje no Comando Nacional de Operações de Socorro (CNOS) da Autoridade Nacional de Proteção Civil (ANPC), e de acordo com a informação meteorológica disponibilizada prevê se, para o dia de hoje, 18/05/2018, um agravamento das condições meteorológicas.Aguaceiros, por vezes fortes, que poderão ser de granizo e acompanhados por trovoada no período entre as 12:00 e as 20:00 são as condições previstas.

Face à situação acima descrita, poderão ocorrer os seguintes efeitos:
•Piso rodoviário escorregadio e eventual formação de lençóis de água;
•Possibilidade de cheias rápidas em meio urbano, por acumulação de águas pluviais ou insuficiências dos sistemas de drenagem;
•Possibilidade de inundação por transbordo de linhas de água nas zonas historicamente mais vulneráveis;
•Inundações de estruturas urbanas subterrâneas com deficiências de drenagem;
•Danos em estruturas montadas ou suspensas;
•Dificuldades de drenagem em sistemas urbanos, nomeadamente as verificadas em períodos de praia-mar, podendo causar inundações nos locais historicamente mais vulneráveis;
•Fenómenos geomorfológicos causados por instabilização de vertentes associados à saturação dos solos, pela perda da sua consistência.


A ANPC recorda que o eventual impacto destes efeitos pode ser minimizado, sobretudo através da adoção de comportamentos adequados, pelo que, e em particular nas zonas historicamente mais vulneráveis, se recomenda a observação e divulgação das principais medidas de autoproteção para estas situações, nomeadamente:
– Adotar uma condução defensiva, reduzindo a velocidade e tendo especial cuidado com a formação de lençóis de água nas vias;
– Não atravessar zonas inundadas, de modo a precaver o arrastamento de pessoas ou viaturas para buracos no pavimento ou caixas de esgoto abertas;
– Estar atento às informações da meteorologia e às indicações da Proteção Civil e Forças de Segurança.

 


Pág. 1 de 6

°C

Agenda

Boletim Municipal

re-planta


Brasao Câmara Municipal de Cuba
Rua Serpa Pinto 84
7940-172 Cuba

Telefone: 284 419 900
Fax: 284 415 137
Email: geral@cm-cuba.pt
Horário de Funcionamento: Das 9h00 às 12h30 e das 14h00 às 17h30