Município de Cuba

  • Aumentar o tamanho da fonte
  • Tamanho padrão da fonte
  • Diminuir tamanho da fonte
Início Noticias
Educação

Criada "Rede Local para a Educação" no concelho de Cuba

Enviar por E-mail Versão para impressão PDF

REDE LOCAL DE EDUCAÇÃOA Câmara Municipal de Cuba e a Make it Better – Associação para a Inovação e Economia Social, juntamente com um total de 20 organizações dos setores público e privado do Concelho de Cuba, formalizaram no passado dia 21 de janeiro, em sessão solene, a constituição da Rede Local para a Educação.

A Rede visa consolidar um “ecossistema educativo” de base comunitária, capaz de coadjuvar e suportar as escolas locais na promoção e oferta de ações educativas inovadoras, visando designadamente estimular a criatividade, a inclusão e a igualdade de oportunidades entre os mais jovens. Desta forma é criada uma verdadeira “comunidade de aprendizagem”, ou seja, uma comunidade que participa ativamente na educação dos seus jovens, os quais, por sua vez, são capacitados para conhecer e participar no desenvolvimento da sua comunidade.

A iniciativa visa igualmente estimular a cooperação interinstitucional e capitalizar o capital humano, cultural e material existente no Concelho de Cuba, colocando-o à disposição da comunidade educativa, através de uma parceria efetiva que se concretiza na partilha de saberes, conhecimento e na disponibilização de recursos (materiais, humanos, técnicos, financeiros) para a realização de atividades escolares e extraescolares, enriquecedoras e de qualidade para os mais jovens.

A Rede Local para a Educação do Concelho de Cuba nasce em resultado do trabalho do projeto SparkSEEDs – Empowering Youth Learning Communities, implementado ao abrigo do Programa Erasmus+ Juventude em Ação, da União Europeia, coordenado pela Make it Better em parceria com o Município de Cuba, o Agrupamento de Escolas de Cuba, a Ligarte, o Clube Cuba Aventura, a Fundação IRSE (Polónia) e com o Polo Europeu do Conhecimento (Itália), onde se tornou clara a necessidade urgente de inovar no processo educativo dos mais jovens, atualizando o modelo educacional atual para um mais moderno, capaz de preparar os jovens para o presente e futuro, e capacitando-os para superar os desafios mais prementes da sociedade atual.

 

Município de Cuba aposta na igualdade de oportunidades no ensino à distância

Enviar por E-mail Versão para impressão PDF

TABLETS E ROUTERS//Entrega de tablets e routers para acesso à Internet.

Tendo sido decretado pelo Ministério da Educação o regresso ao ensino à distância, e por forma a garantir a igualdade de oportunidades e de acesso à informação a todos os alunos, o Município de Cuba volta a disponibilizar, a título de empréstimo, equipamentos (tablet e/ou router) aos alunos dos níveis de ensino da sua responsabilidade – Pré-escolar e 1.º ciclo – que não disponham de recursos tecnológicos e financeiros. O Município encontra-se também a colaborar com as entidades governamentais para que todos os alunos possam ter acesso aos dispositivos tecnológicos necessários ao sucesso educativo.

O levantamento das necessidades dos alunos foi realizado em estreita articulação com o Agrupamento de Escolas e a entrega será feita de acordo com essa informação, considerando os escalões da acção social escolar das crianças, devendo os encarregados de educação contactar o serviço de Ação Social Escolar do município para marcação.

 

Alunos da EB de Cuba contribuem para criação do “Caderno de Notas Contra a Violência Doméstica”

Enviar por E-mail Versão para impressão PDF

CADERNO DE NOTAS CONTRA A VIOLÊNCIA DOMÉSTICANa data em que se assinala o “Dia Internacional pela Eliminação da Violência Contra as Mulheres” – a 25 de novembro – damos conta do lançamento do “Caderno de Notas Contra a Violência Doméstica”, uma iniciativa da Associação Moura Salúquia e do Núcleo de Atendimento à Vítima de Beja, com o apoio da Câmara Municipal de Cuba.

A elaboração deste “Caderno” contou com o contributo – em texto e desenhos – dos alunos do Ensino Básico do Agrupamento de Escolas de Cuba.

Tal como explica a Associação “este caderno e os contributos que nele constam são resultado de diversas ações de sensibilização e conversas mais ou menos informais que fomos mantendo com crianças e jovens de vários graus de ensino nos concelhos do nosso território de intervenção sobre aquilo que é a Igualdade de Género e a Violência Doméstica”, adiantando que “estes podem parecer temas complexos para jovens e crianças mais pequenas, mas a realidade é que importa trabalhá-los desde cedo, sempre naturalmente num formato adequado à sua idade e ao seu desenvolvimento, Quando falamos de violência, falamos essencialmente de empatia e da capacidade de nos colocarmos no lugar do outro”.

De acordo com as promotoras da criação deste Caderno “quando falamos de igualdade, falamos de justiça e respeito pelo outro e reforçamos a importância da diversidade. O que fomos percebendo ao longo do tempo é que os jovens e crianças não só nos ouvem atentamente, como têm uma visão sobre estes temas e querem partilhá-la! Muitas vezes, uma visão tão próxima da dura realidade da violência doméstica, que não podemos deixar de ficar surpreendidas!”

“Esta foi a nossa forma de ajudar na partilha da sua visão, ao mesmo tempo que relembramos a importância de continuar o combate à violência doméstica, uma responsabilidade de todos e todas enquanto cidadãos e cidadãs”, sublinham.

 

Distribuição gratuita de fruta no 1º ciclo e pré-escolar mantém-se no ano letivo 2020/2021

Enviar por E-mail Versão para impressão PDF

FRUTA ESCOLAR 2020 21O Município de Cuba manteve no ano letivo de 2020/2021 a distribuição gratuita de Frutas e Hortícolas, duas vezes por semana, junto dos alunos do Ensino Pré-escolar e do 1.º Ciclo do Agrupamento de Escolas de Cuba. Toda a execução do Programa, a decorrer desde o passado mês de novembro, acontece em estreita articulação e colaboração do Agrupamento de Escolas de Cuba, beneficiando cerca de 270 alunos.

Para o 1.º ciclo, o Programa “Regime Escolar”, é assegurado conjuntamente pelo IFAP (Instituto de Financiamento de Agricultura e Pescas), contudo, o Município, ciente da importância da promoção de uma alimentação saudável, engloba todos os alunos do pré-escolar assumindo a totalidade dos encargos, ocorrendo as distribuições em simultâneo com as do 1.º ciclo.

 

BOLSAS DE ESTUDO - ENSINO SUPERIOR 2020/21

Enviar por E-mail Versão para impressão PDF

BOLSAS 20 21\\Prazo para apresentação de candidaturas termina no dia 30 de outubro de 2020

A Câmara Municipal de Cuba informa que decorre até dia 30 de Outubro o período de candidatura para atribuição de Bolsas de Estudo, no ano lectivo de 2020/2021, para Cursos do Ensino Superior. O Regulamento para a concessão de bolsas de estudo pode ser consultado aqui, devendo os interessados satisfazer as condições nele prescritas, designadamente:

- Residir no concelho de Cuba há, pelo menos, dois anos;
- Não possuir habilitações literárias de nível superior;
- Ter obtido aproveitamento escolar no ano letivo anterior ao da candidatura à bolsa de estudo, salvo interrupção dos estudos por motivos de força maior ou mudança de curso, devidamente justificada e por uma única vez;
- Estar matriculados em estabelecimento de ensino superior oficialmente reconhecido.”

A candidatura processa-se mediante o preenchimento de um impresso próprio, a fornecer pela Câmara Municipal (também disponível nos links abaixo), o qual deverá ser entregue juntamente com toda a documentação necessária.

pdf icon Edital - Bolsas de Estudo 2020/21 pdf icon Ficha de Inscrição
pdf icon Documentação Necessária pdf icon Declaração de Responsabilidade
 


Pág. 4 de 27

PREMIO FIALHO ALMEIDA

BOTÃO SUSTOWNS SITE

 

 

Agenda


Não tem eventos

Boletim Municipal


Brasao Câmara Municipal de Cuba
Rua Serpa Pinto 84
7940-172 Cuba

Telefone: 284 419 900
Fax: 284 415 137
Email: geral@cm-cuba.pt
Horário de Funcionamento: Das 9h00 às 12h30 e das 14h00 às 17h30